Aposentadoria por Invalidez – Depressão e síndrome do pânico

Aposentadoria por invalidez síndrome do pânico

Você sabia que aposentadoria por invalidez por síndrome do pânico e depressão é possível?

sindrome-do-panico-aposentadoria-invalidez-inss

Doenças como depressão deixam as pessoas tristes, com oscilação de humor, transtornos, dentre outras questões, podem trazer incapacidade de as pessoas trabalharem.

Segundo especialistas da área da saúde depressão e outros problemas com a mente, como a síndrome do pânico afetam a qualidade de vida e o potencial do colaborador.

A depressão é um dos maiores males do século, sendo um problema relacionado à saúde pública.

Para algumas pessoas, tem sido cada vez maior o número de trabalhadores afastados no Brasil e no mundo por conta de depressão no ambiente do trabalho, como causa direta – por conta de chefe, pressão etc. – ou indireta – como família, relacionamentos amorosos etc.

Assim, é dever do médico do trabalho fazer o acompanhamento do trabalhador, a fim de que ele possa se afastar no INSS por depressão, por exemplo. O acompanhamento com médico psiquiatra deve ser indicado para afastamento ou aposentadoria por invalidez INSS.

depressao-aposentadoria-invalidez-inss

Pericia INSS aposentadoria por invalidez

Caso a depressão esteja ligada ao trabalho, é preciso que o empregado se afaste pelo INSS e faça perícia para aposentadoria por invalidez por depressão e síndrome do pânico. É preciso que haja incapacidade total para continuar a trabalhar, para ser aposentado por depressão pelo INSS.

Invalidez por depressão INSS

A perícia INSS verá se é o caso de afastamento por doença ou aposentadoria por invalidez por depressão. As doenças da mente precisam do mesmo procedimento no INSS para que a pessoa possa se afastar ou se aposentar. Mais de 200 mil pessoas foram afastadas por depressão atualmente.

Confira:  INSS Governador Valadares - Telefone, Endereço, Postos de Atendimento

Auxílio doença INSS depressão

Como é muito difícil demonstrar incapacidade total e permanente na depressão, geralmente o INSS concede auxilio doença.

auxilio-doenca-sindrome-do-panico-depressao-inss

Perícia judicial INSS invalidez síndrome do pânico

E, infelizmente, como se precisado aval do INSS para aposentar por síndrome do pânico, como por depressão, muitas vezes o pedido é negado pela autarquia federal e vai parar nas mãos de um juiz.

Por isso é importante guardar laudos, exames e documentos que comprovem a gravidade da doença. Caso você não esteja satisfeito com isso, deve entrar com pedido administrativo ou com ação judicial.

A perícia judicial nos casos de invalidez geralmente modifica a decisão do INSS e acaba concedendo o beneficio, mas tudo vai depender do caso.

Tirou suas dúvidas sobre aposentadoria invalidez depressão e síndrome do pânico? Como vimos, possivelmente o doente recebera auxílio-doença antes. Caso o problema se mostre permanente, há chances de que este se converta em aposentadoria por invalidez.

Há pessoas com nível e grau de depressão tão alto que até por conta de medicamentos não conseguem continuar trabalhando. São casos graves e que devem ser comprovados.

Gostou? De um curtir:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*Se você tem algum conhecimento sobre o assunto, deixe sua resposta nos comentários para ajudar os demais usuários. Qualquer dúvida você também pode ligar para o telefone do INSS: 135