Biometria Agendamento

Cadastramento Biométrico

O Tribunal Superior Eleitoral – TSE agregou um projeto chamado Identificação Biométrica. A intenção desse projeto foi de incluir em todo território brasileiro a identificação e fiscalização biométrica durante as eleições.

biometria-agendamento

Ainda que alguém mude a sua aparência, peso e até de gênero, a impressão digital é a única que fica. Claro, há casos em que determinadas substâncias são capazes de destruir as impressões digitais, mas são hipóteses bem isoladas.

Assim, considerando que já houve muitos casos de fraude nas eleições, como de pessoas que votavam em nome de outras, uma das saídas para ter convicção a respeito do resultado das eleições e dos votos foi a implantação da biometria.

Biometria é, basicamente, verificar a impressão digital de uma pessoa, através de um aparelho que a capta. A biometria começou a ser implantada no Brasil no ano de 2008.

Mais de 30% do eleitorado já tinha cadastro biométrico nas eleições de 2016 em pouco mais de 1500 municípios.

Como funcionava as eleições antes?

Para quem não sabe, antigamente as eleições eram realizadas com o preenchimento de papeis, os quais eram depositados em urnas.

O resultado das eleições demorava algum tempo para sair, ou seja, dias, pois todos os votos tinham que ser contados.

Hoje em dia a apuração do resultado das eleições é bem rápida e isso graças às urnas eletrônicas.

Outro problema que vinha antes da biometria era a fraude. Em muitos locais, especialmente em regiões mais afastadas, acreditava-se que havia a manipulação de votos. Assim, o resultado das eleições, que deveria ser de acordo com a vontade da maioria, não ocorria exatamente dessa forma.

Biometria Aagendamento

Para fazer o agendamento da biometria é bem simples. Basta você acessar o site do Tribunal Regional Eleitoral da sua região e clicar em “solicitar agendamento”. Na verdade, esse procedimento vai depender do Tribunal local.

Confira:  INSS Campo Grande - Telefone, Endereço, Postos de Atendimento

Depois, na data e no horário agendados, é só comparecer levando documento oficial com foto, certidão de nascimento e comprovante de endereço atualizado. Lá você fará a sua biometria.

Nas próximas eleições, é só levar documento com foto e o título de eleitor. Na verdade, o título é dispensável, mas é melhor para que você saiba exatamente qual é a sua zona eleitoral e a seção em que você vota.

Encontrar esses locais no dia das eleições pode ser bem confuso.

Os dados da Justiça Eleitoral geralmente são os mais completos do Poder Público. E, a título de curiosidade, esses dados ficam armazenados em um banco de dados que é compartilhado em todos os órgãos do governo.

cadastramento-biometrico

Dessa forma, caso haja necessidade de contatar alguém, os órgãos públicos compartilham as informações da biometria e conseguem encontrar essa pessoa determinada muito mais facilmente.

Isso ocorre, por exemplo, no caso da necessidade de citação judicial, cumprimento de outros tipos de mandado, quando a pessoa é requisitada para testemunhar e muito mais.

A biometria é obrigatória?

Para quem vota, sim, a biometria é obrigatória. Como é sabido, o voto é facultativo para pessoas com 16 e 17 anos de idade, maiores de 70 anos e analfabetos. De outro lado, pessoas com 18 a 69 anos são obrigadas a votar e também devem comparecer caso sejam requisitadas para trabalhar nas eleições como mesários, por exemplo.

Caso essas pessoas não compareçam para votar e não justifiquem a ausência do voto, poderão pagar uma multa, que pode variar de algo como perto de R$ 30 até muito mais. O mesmo acontece com mesários que forem chamados, mas não vão laborar nas eleições.

Confira:  Certidão de Quitação Eleitoral - Emissão

O juiz eleitoral vai ver todas as informações que a pessoa inseriu durante o cadastro da biometria. Claro, como se trata de uma penalidade de multa, a pessoa será notificada para se defender e apresentar as suas razões de ausência perante o juízo eleitoral.

recadastramento-biometrico

Caso a multa não seja paga ou a situação não seja regularizada é possível que você venha a ter grandes problemas. Se quiser fazer algum concurso público, por exemplo, poderá ser desclassificado.

Assim, enquanto o voto é obrigatório no Brasil, é bom ficar atento ao dia da eleição e, caso não possa comparecer, vá em qualquer seção eleitoral e teça a justificativa para o voto. É uma forma de exercer a cidadania e de informar os motivos pelos quais não pode votar.

Tirou todas as suas dúvidas sobre eleições e agendamento da biometria? Não deixe de exercer a sua cidadania! O voto é muito importante para escolher aquele que, na sua mente e convicção, é o melhor representante para a população. Considerando os últimos problemas políticos do Brasil, o ideal mesmo é levar o voto com a maior seriedade que você possa dar a ele, pois a atitude do representante pode certamente impactar (e muito) na sua vida e na vida de milhares de brasileiros.


Empréstimos

Gostou? De um curtir:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *