INSS Brasília – Telefone, Endereço, Postos de Atendimento

Postos de Atendimento da Previdência Social em Brasília DF

Se você mora ou está de passagem em Brasília e por algum motivo necessita comparecer a um dos postos de atendimento do INSS Brasília, vamos trazer todas as informações para você!

Mas antes, é bom salientar que é possível realizar diversas solicitações, como agendamentos, impressão de certidões, consultas de benefícios pelo Portal Meu INSS.

previdencia-social-brasilia

O cadastro é feito com seus dados pessoais e você receberá uma confirmação do INSS nesse sentido, com a senha que cadastrou.

Depois, pode acessar de qualquer aparelho com conexão à internet. Mas caso você precise mesmo ir ao posto de atendimento do INSS em Brasília, vamos te ajudar com informações abaixo.

Se restar alguma dúvida, já indicaremos para acessar o site da Previdência Social: www.previdencia.gov.br.

Endereços do INSS em Brasília

O INSS tem vários postos de atendimento em Brasília. Inclusive, é em Brasília que estão os postos mais altos do INSS, com relação à chefia.O endereço dos postos de atendimento INSS em Brasília são:

  • Setor de Autarquias Sul Quadra 2 Bloco O BL O – Asa Sul
  • Bancário Norte Q 2 – Brasília
  • 14, St. B Norte Cnb 1 Cnb 2, 12
  • SAUN Quadra 4 BL L – Asa Sul, Brasília
  • Setor Sbn Quadra 2 – s/n bl G
  • Área Especial, St. Administrativo Q Central – Sobradinho
  • M QNM 17 Lote 21 – Ceilândia Sul
  • Asa Sul Comércio Residencial Sul 502 Bl B – Asa Sul
  • Leste Q 40 – Gama Leste
  • SHCS Q. 4 – Brasília,
  • Recreativo – Planaltina

Os postos de atendimento do INSS Brasília a que nos referimos na lista acimatêm horário de funcionamento das 7 da manhã às 17h da tarde, de segunda a sexta.

Telefone INSS Brasília

Desde o ano de 2006 está ativo o INSS telefone, por meio do qual você consegue fazer agendamentos e verificar diversas informações sem sair da sua casa. O número do telefone INSS é 135. A ligação é grátis caso seja feita de telefone fixo.

Pelo telefone INSS Brasília, você entra em contato com o INSS das 7h às 22h, de segunda a sábado, o que é mais uma comodidade para você, caso folgue no final de semana.

inss-brasilia-df

Caso seu interesse seja pesquisar outros postos do INSS espalhados pelo Brasil, acesse esse link: http://www3.dataprev.gov.br/enderecoAPS/mps1.asp.

O que é o INSS?

O Instituto Nacional de Previdência Social – INSS, é uma órgão vinculado ao Governo federal, ao qual incumbe dispor sobre todos os assuntos ligados à Previdência Social. É no INSS que você poderá resolver questões de aposentadoria, por exemplo, bem como solicitar outros vários benefícios, caso você tenha trabalhado ou trabalhe com carteira assinada e tenha realizado o recolhimento das contribuições do INSS.

Conseguiu tirar todas as suas dúvidas sobre o INSS Brasília? Caso tenha restado alguma questão, não deixe de comparecer aos postos de atendimento do INSS Brasília para resolver a sua pendência. Ou, se preferir, contate o INSS através da internet  ou do telefone, pois são formas bem mais facilitadas e cômodas para os brasileiros.

INSS Fortaleza – Telefone, Endereço, Postos de Atendimento

Postos de Atendimento da Previdência Social em Fortaleza CE

O Instituto Nacional de Previdência Social – INSS, é o órgão competente para lidar com todas as questões relacionadas à Previdência Social no Brasil.

previdencia-social-fortaleza

Esse é um órgão que está ligado à União Federal e que trata de todos os temas pertinentes à essa área. Uma lei diz que o INSS é o responsável pela aplicação de políticas, fiscalização, bem como todo o gerenciamento relativo ao pagamento de benefícios para quem contribui ao INSS.

O INSS é unificado em todo o Brasil. Assim, para quase toda região que você vá, haverá um posto de atendimento do INSS para atendê-lo. Nas grandes cidades, como em Fortaleza, no Ceará, o INSS dispõe de diversos postos de atendimento espalhados nas regiões mais populosas da cidade, a fim de facilitar o atendimento à população e possibilitar acesso a todos.

Veja abaixo mais informações sobre o INSS Fortaleza.

INSS Fortaleza

Está na capital cearense e precisa comparecer a um posto de atendimento do INSS Fortaleza? Há diversas opções de endereços do INSS Fortaleza para você escolher, conforme a sua necessidade.

Mas, como sugestão, antes de ir ao posto do INSS Fortaleza, sugerimos que você tente se cadastrar no Portal Meu INSS e verifique se o seu problema não pode ser resolvido por lá. Afinal de contas, é muito melhor resolver problemas ou pedir providências pelo INSS do conforto do seu lar, não é mesmo?

Caso você não tenha computador e nem sequer internet e prefira ir aos postos de atendimento INSS em Fortaleza, vamos te passar todos os endereços e telefone para contato. Vamos lá?

Não deixe também de visitar o site da Previdência Social: www.previdencia.gov.br.

Endereços do INSS Fortaleza

Em Fortaleza, Ceará, há vários postos de atendimento do INSS para melhor atender à população. Veja abaixo quais são os endereços do INSS Fortaleza e escolha o que mais atende às suas necessidades:

  • Machado de Assis, 514 – Damas
  • Pedro Pereira, 383 – Centro
  • Guilherme Rocha, 1624 – Centro
  • Dr. Valmir Ponte – Edson Queiroz
  • Rua Dom Manuel de Medeiros, 1734 – Parquelândia
  • Des. Moreira, 1135 – Aldeota
  • Rua Princesa Isabel, 1611 – Farias Brito
  • Manuel Castelo Branco, 248 – Messejana
  • Rua Princesa Isabel – Centro
  • José Alexandre, 1508 – Farias Brito
  • Rua Senador Pompeu, 1174 – Centro

Note que são muitas opções de endereços de postos de atendimento do INSS Fortaleza, sendo que a maioria delas fica no Centro da cidade, justamente para facilitar o acesso à toda a população que precisa dos serviços do INSS.

inss-fortaleza-ce

Telefone INSS RJ

O telefone do INSS é único para o Brasil todo. Basta discar 135 do seu telefone fixo (não celular!) e você conseguirá realizar diversos serviços no INSS, como agendamentos, requerimentos, solicitações diversas, dentre outros.

O telefone INSS funciona das 7h às 22 horas, durante a semana e também aos sábados, facilitando a vida de quem trabalha ou não pode ficar ao telefone durante a semana.

Caso você precise do INSS em outra região do país, deve acessar este link aqui: http://www3.dataprev.gov.br/enderecoAPS/mps1.asp.

INSS Rio de Janeiro – Telefone, Endereço, Postos de Atendimento

Postos de Atendimento da Previdência Social em Rio de Janeiro RJ

Você mora ou está no Rio de Janeiro no momento e precisa ir a um dos postos do INSS RJ? Antes de qualquer coisa, lembre-se de que é possível realizar diversos serviços pela internet, fazendo o cadastro no Portal Meu INSS.

previdencia-social-rio-de-janeiro

Mas se mesmo assim a sua situação exigir o atendimento no INSS do RJ, é bom saber que pelo Portal Meu INSS você pode agendar o seu atendimento no INSS RJ e não vai mais precisar enfrentar filas!

Outro modo pelo qual você pode fazer consultas do INSS no RJ é pelo site do Dataprev.

Se tiver alguma dúvida, acesse o site da Previdência Social: www.previdencia.gov.br.

Endereços do INSS no Rio de Janeiro

O INSS tem diversos postos no RJ. O endereço dos postos de atendimento INSS RJ são:

  • Aristides Caire, 218, Meier
  • Pedro Lessa – Centro
  • Nossa Sra. de Copacabana, 1049 – Copacabana
  • Pres. Vargas, 418 – Centro
  • Pres. Vargas, 1997 – Centro
  • Brasil, 17673 – Irajá
  • Rua Barão, 207 – Praça Seca
  • Mal. Modestino, 160 – Realengo
  • São Francisco Xavier, 324 – Maracanã
  • Padre André Moreira, 31 – Meier
  • São Januário – 798 – São Cristóvão
  • Segal, 206 – Del Castilho
  • Eng. Trindade, 429 – Campo Grande
  • Paulo Fernandes, 28 – Praça da Bandeira
  • Mal. Falcão da Frota, 1618 – Padre Miguel
  • Rua Uruguai, 297 a – Tijuca
  • Benjamin Pinto Dias, 561 – Centro, Belford Roxo
  • Joaquim Gomes, 269 – Ramos, Rio de Janeiro
  • André Azevedo, 87 – Olaria

Telefone INSS RJ

Caso você ainda não saiba, também pode consultar o INSS por meio do telefone. Isso serve para alguns serviços, mas nada te impede de tentar. Desde meados do ano 2000 o INSS é só discar o telefone 135, que é o telefone INSS.

inss-rio-de-janeiro-rj

Pelo telefone INSS RJ você consegue fazer agendamentos em postos físicos da previdência social, sem enfrentar filas, solicitar benefícios, prorrogações, agendar perícias e muito mais.

O horário de funcionamento do telefone INSS RJ é das 7h às 22h, de segunda-feira a sábado. A ligação é gratuita se realizada de telefone fixo.

De outro lado, os postos físicos do INSS que mencionamos acima funcionam das 7h às 17h, de segunda a sexta-feira.

Se quiser consultar todos os endereços dos postos do INSS do Brasil, acesse o link a seguir: www3.dataprev.gov.br/enderecoAPS/mps1.asp.

Quem é o INSS?

O Instituto Nacional de Previdência Social – INSS, é uma autarquia vinculada à União Federal e a quem compete tratar de assuntos relacionados à previdência social. É através do INSS que você pode solicitar benefícios que são direitos para milhares de brasileiros, desde que alguns requisitos sejam preenchidos.

O INSS presta um serviço público que realmente tem muita valia para grande parte da população, já que para os trabalhadores em geral, a carteira assinada é um direito e uma obrigação, para que futuramente possam usufruir dos benefícios que o INSS oferece, quando precisarem.

INSS Salvador – Telefone, Endereço, Postos de Atendimento

Postos de Atendimento da Previdência Social em Salvador BA

O INSS ou Instituto Nacional de Previdência Social, é um órgão federal que está atrelado à União Federal e tem por objetivo cuidar de todas as questões envolvendo a previdência social.

Seja auxílio reclusão, aposentadoria e outros diversos benefícios, tudo isso fica a cargo do INSS.

previdencia-social-salvador

O INSS atende milhares de pessoas diariamente, tendo postos em diversos locais do Brasil. Se você quer saber tudo sobre o INSS Salvador, acompanhe o artigo e saiba mais.

INSS Salvador

Precisando ir aos postos de atendimento do INSS de Salvador, mas está com dúvidas? Acompanhe o artigo e saiba como contatar o INSS Salvador.

Você tem várias opções de atendimento, como presencial (postos de atendimento do INSS em Salvador), telefone ou internet.

Caso prefira, há mais informações relevantes na página da internet da Previdência Social: www.previdencia.gov.br.

Endereços do INSS em Salvador

O INSS tem vários postos de atendimento na belíssima Salvador. O endereço dos postos de atendimento INSS Salvador são os que elencamos abaixo:

  • Miguel Calmom, 395 – Comercio
  • José Gonçalves, 102 – Centro
  • Ariston Bertino de Carvalho, 169 – Brotas
  • Antônio Carlos Magalhães, 4197 – Pituba

Para não concentrar todo o atendimento do INSS em um só local e visando melhorar a qualidade do atendimento – ainda que haja ressalvas sobre isso – o INSS Salvador, na Bahia, pode ser encontrado nos quatro endereços acima mencionadas, os quais estão espalhados por diversas regiões da capital baiana.

Telefone INSS Salvador

A fim de facilitar a vida dos beneficiários do INSS, no ano de 2006 foi implantado o telefone INSS. É só discar de qualquer telefone fixo o número 135 e pronto, você já estará conectado com o INSS para tirar dúvidas ou fazer requerimentos.

Lembre-se de que alguns atos só podem ser realizados pessoalmente nos postos de atendimento do INSS. Assim, o número de solicitações pelo telefone é mais limitada.

inss-salvador-bahia

telefone INSS Salvador atende as ligações das 7h às 22h, de segunda-feira a sábado. A ligação é gratuita caso você ligue do seu telefone fixo – e não do celular.

Note-se que os horários do telefone INSS são extremamente flexíveis justamente para atender a classe trabalhadora.

Para encontrar outros endereços dos postos de atendimento do INSS do Brasil, vá nessa página: http://www3.dataprev.gov.br/enderecoAPS/mps1.asp.

Mas a nossa dica de ouro para você é: antes de ir a um posto do INSS verifique se o seu problema ou questão não pode ser resolvida pela internet. Assim, você não precisa gastar com deslocamento e muito menos enfrentar filas ou muvuca de pessoas.

Acesse o Portal Meu INSS, faça o seu cadastro e verifique se a solução daquilo que você precisa pode ou não ser feita pelo site. Nesse portal há diversos serviços INSS disponíveis. No entanto, muitas pessoas não sabem disso e acabam perdendo tempo e recursos indo até os postos do INSS, sendo que poderiam ter feito isso no conforto dos seus lares.

Isenção de Imposto de Renda

Imposto de Renda Isenção

A declaração de imposto de renda é uma obrigação de todos os contribuintes brasileiros. Aliás, muitas pessoas recebem restituição do imposto de renda, enquanto outras acabam devendo ao Fisco. No entanto, existem hipóteses em que os contribuintes têm isenção de imposto de renda.

Frise-se que todas essas situações estão previstas no art. 6° da Lei Federal n°7.713/1988. Quer saber em quais casos haverá isenção de imposto de renda? Acompanhe o artigo.

imposto-de-renda-isento

Quem é isento de declarar imposto de renda?

Existem pessoas e tipos de rendimentos que são isentos de imposto de renda. São eles:

  • Alimentação, custo de transporte
  • Diárias de viagem a trabalho
  • Valores de locação para parentes de 1° grau
  • Indenizações por acidente de trabalho
  • PIS e PASEP
  • Seguros de vida ou por invalidez
  • Contribuições pagas pela empresa
  • Valores da poupança
  • Pecúlio
  • Pensões e proventos
  • Portadores de doenças profissionais, tuberculoses, problemas mentais, cardiopatias, Parkinson, nefropatias, doença de Paget e outras.
  • Previdência de servidores públicos até o valor de R$ 1.903,98 (mil, novecentos e três reais e noventa e oito centavos).
  • Bens doados ou adquiridos por herança
  • Correções monetárias
  • Ajudas de custo
  • Valores pagos por programas de resgate de créditos de ICMS, como Nota Fiscal Paulista e Nota Paraná.
  • Valor do vale cultura

Doenças que São Isentas de Imposto de Renda

isencao-imposto-de-renda

Isenção do imposto de renda por doença grave

Um dos temas que gera mais dúvidas é como funciona a isenção do imposto de renda para quem tem doenças graves. A lei prevê um rol de doenças limitados, as quais geralmente são incapacitantes, como cegueira, doença cardíaca, esclerose múltipla, radiação, AIDS, hanseníase, fibrose cística, neoplasia maligna (câncer) e outras.

Entretanto, não será isento de declarar imposto de renda quem:

  • Não se aposentou, mesmo tendo uma doença grave
  • Outros rendimentos recebidos junto com a aposentadoria, como aluguéis, por exemplo.

Nesse caso, se o contribuinte tiver direito à isenção do imposto de renda, deve realizar um laudo pericial que comprove a sua condição. O laudo deve ser emitido especialmente por fontes como INSS ou vinculados às previdências dos Estados e Municípios, por exemplo.

Finalmente, não se pode confundir isenção do imposto de renda – que é o não pagamento de eventual valor devido à Receita Federal – da isenção da declaração de imposto de renda.

A isenção da declaração do imposto de renda serve para quem ganhou menos de R$ 28.559,70 (vinte e oito mil quinhentos e cinquenta e nove reais e setenta centavos) no último ano, por exemplo. *Valores para 2017 e sempre é ajustado anualmente.

No entanto, se a pessoa tiver direito à isenção do imposto de renda, mas receber valor maior do que o mencionado, deverá sim apresentar sua declaração de imposto de renda, ainda que não vá pagar nada.

Esperamos que você tenha compreendido o que é a isenção de imposto de renda e como você deve proceder para pedi-la perante a Receita Federal. Não deixe de exigir os seus direitos e de correr atrás deles.

O pagamento de imposto de renda pode ser um débito pesado no bolso do brasileiro. Assim, especialmente para pessoas que estejam passando por tratamentos de saúde, essa pode ser uma enorme ajuda. Maiores informações consulte o site www.impostoderenda.net

Portal Meu INSS – Serviços, Cadastro

Portal Meu INSS Cadastro

O Portal Meu INSS é mais uma iniciativa do governo federal para tentar diminuir as filas de atendimento nos postos físicos do INSS.

Considerando que boa parte dos brasileiros hoje dispõe de pelo menos celular com acesso à internet, computadores e outros dispositivos, o INSS decidiu trazer a tecnologia ao favor de milhões de brasileiros.

portal-meu-inss-cadastro-servicos

Quem já teve que enfrentar filas no INSS sabe como isso pode ser desgastante e demorado. Mas agora para realizar diversos serviços do INSS, você nem sequer precisa sair de casa. Basta acessar o site do Portal Meu INSS e poderá realizar diversos serviços sem sair da sua casa.

Como funciona o Portal Meu INSS?

O Portal Meu INSS é de bem fácil entendimento, até mesmo para quem não sabe ou não tem o costume de usar o computador.

Primeiro, você terá que se cadastrar no site do Meu INSS. Deve preencher dados como número de documentos pessoais, filiação, nome completo, benefício, dentre outros e fazer uma senha, a qual será encaminhada por e-mail para você. Assim que confirmar o seu cadastro no Meu INSS, poderá acessar os diversos serviços.

Portal Meu INSS – Extrato Previdenciário

É possível imprimir o extrato previdenciário no Portal Meu INSS, visualizar e alterar dados cadastrais, dentre outros. Acesse: Portal Meu INSS Consulta Extrato

Portal Meu INSS – Crédito de benefícios

Caso você precise do seu histórico de benefícios recebidos do INSS por algum motivo, também é ´possível ter acesso a isso pelo Portal Meu INSS.

Portal Meu INSS – Agendar atendimento

É possível que você agende sua visita no posto físico do INSS, marcando uma data e horário determinado pelo Portal Meu INSS. Isso evita que você passe horas aguardando uma senha ou ser chamado.

Portal Meu INSS – Carta de Concessão de Benefício

É um documento no qual o INSS informa ao beneficiário que o benefício foi concedido, bem como o seu valor. Ele pode dar dados ao banco onde será pago o benefício do INSS.

portal-meu-inss

Portal Meu INSS – Agendar perícia

Também é possível agendar perícia no Meu INSS, o que já facilita a vida de muitas pessoas. Lá você saberá exatamente a data da sua perícia e já pode ir tomando providências, como fazer exames e solicitar documentos que provavelmente serão vistos pelo perito. Isso ajudou várias pessoas que foram convocadas para uma nova perícia, em vista do “pente fino” realizado pelo governo federal nas aposentadorias por invalidez e auxílio doença.

Portal Meu INSS – Localizar posto do INSS

Se você não sabe onde encontrar um posto do INSS, no portal Meu Inss você saberá exatamente quais são as agências INSS mais próximas de você.

Portal Meu INSS – Consulta declaração de benefício

Se você precisar de uma declaração de que está recebendo o benefício, é só imprimir no site do INSS. Por meio desse documento você saberá se o seu benefício INSS está regular ou não.

Portal Meu INSS – Declaração Contribuinte Individual

Se você é contribuinte individual, pode comprovar que está em dia com o INSS imprimindo uma declaração no site Portal Meu INSS.

Viu só como os serviços INSS pela internet são de grande ajuda? Não deixe de fazer seu cadastro no portal Meu INSS e conheça todos os benefícios.

Concurso Receita Federal 2018 Edital, Vagas

Receita Federal Concurso Público 2018

Não é exagero dizer que um dos concursos mais desejados do Brasil é o concurso Receita Federal. Isso porque o órgão paga bem e oferece várias vagas para os mais diversos níveis de ensino.

Em regra, o concurso Receita Federal disponibiliza vagas para agente de apoio e área fiscal.

Que tal mudar de vida e passar no concurso receita federal 2018? Nós vamos te mostrar que é possível e vamos trazer todas as razões pelas quais você deve começar a estudar hoje mesmo para o concurso da Receita Federal.

concurso-receita-federal

Concurso Receita Federal 2018

Ainda não há uma certeza quanto ao concurso da receita federal 2018. Isso porque no próximo ano ocorrerão eleições e é vedado autorizar concursos públicos nesse período.

Desse modo, para que um concurso aconteça em 2018 é necessário que ele tenha o edital Concurso Receita Federal 2018 aprovado ainda esse ano. Mas não há nada descartado e ainda há tempo de sobra para que o concurso receita federal 2018 tenha o edital publicado.

Concurso Receita Federal 2018 Vagas

Temos convicção de que o concurso da receita federal 2018 não vai demorar para sair porque o órgão fez um pedido de mais de 2000 vagas, desde maio desse ano, e que precisam ser preenchidas.

Isso porque há muitos afastamentos, aposentadorias e falecimentos de servidores, o que abre vagas e elas precisam ser repostas para que os trabalhos na Receita Federal não sejam prejudicados.

Uma das maiores justificativas para tanta concorrência no concurso Receita Federal 2018 é o salário. São pagos salários bem altos e cheios de benefícios aos servidores da Receita Federal.

Se não bastasse, o governo federal divulgou que será realizado um aumento salarial para os servidores da União. A informação foi publicada no Diário da União em julho desse ano. Logo um cargo de nível superior pode ter salários que ultrapassam R$ 12 mil reais.

Desse modo, se você ainda não tinha motivos para estudar para o concurso receita federal 2018, esse é um incentivo enorme, ainda mais em tempos de crise, como vivemos no Brasil atualmente.

receita-federal-concurso-publico-vagas-edital-inscricoes

Concurso Receita Federal 2018 Edital

E como todo bom concurseiro, não deixe para estudar quando sair o edital receita federal 2018. É quase que unanimidade entre as pessoas que passaram em concursos públicos que elas começaram a estudar antes mesmo de o edital do concurso receita federal ser publicado.

Não se esqueça de que a prova do concurso da receita federal tem muitas matérias, algumas bem complexas. E depois que o edital é publicado em menos de 90 dias a prova já é realizada. 90 dias pode ser muito pouco tempo para estudar todo o conteúdo de forma suficiente para passar, ao menos para boa parte dos candidatos.

Não deixe para depois! Essa pode ser a sua chance de passar no concurso da receita federal. Uma preparação de qualidade é essencial para que você arrase no edital do concurso receita federal 2018 e tenha vantagem sobre os demais candidatos.

Fique atento à abertura das inscrições do concurso receita federal 2018 para não perder essa grande oportunidade de ser servidor público.

INSS Porto Velho – Telefone, Endereço, Postos de Atendimento

Postos de Atendimento da Previdência Social em Porto Velho RO

O INSS significa Instituto Nacional do Seguro Social e ele é ligado à Previdência Social, por esse motivo é a entidade governamental que é responsabilizada na administração do dinheiro de beneficio a vários outros benefícios dados para os trabalhadores brasileiros.

previdencia-social-porto-velho

De forma geral o INSS é a entidade responsável pelo recolhimento do dinheiro que é paga pelos funcionários e trabalhadores, todo mês é descontado de sua folha de pagamento e esse valor vária de acordo com o salário recebido, então quando a pessoa precisa se aposentar, ou solicita a pensão por mote, ou algum auxílio-acidente ou doença, sendo até incluído o PIS e o salário-maternidade, esse dinheiro recolhido é devolvido ao trabalhador.

No Estado de Roraima possuem vários postos de atendimento do INSS na cidade de Porto Velho e em seus arredores, afinal o ter um posto para atendimento ao INSS em Porto Velho é algo muito importante para seus moradores e trabalhadores.

Afinal de contas são nesses postos de atendimento do INSS em Porto Velho o trabalhador poderá solicitar o recebimento de algum beneficio, também poderá realizar uma consulta ou até mesmo ser esclarecido em relação a sua entrada da aposentadoria ou qualquer outro beneficio.

Saiba que o INSS exige que você faça um agendamento prévio, isso significa que você deve agendar sua consulta antes de ir até o Porto Velho para o posto de atendimento do INSS, então você também poderá utilizar o telefone da Central de Atendimento do INSS, que é 135.

Como já informado, a cidade de Porto Velho em Roraima possui vários locais de atendimento para o beneficio do INSS, tais como o que se encontra no endereço da Rua José de Alencar, 2804 – Baixa da União, Porto Velho-RO.

inss-porto-velho

Telefone Previdência Social Porto Velho

Se você desejar ligar para possuir mais informações compreenda que essa agencia possui o seguinte número de telefone para atendimento do INSS em Porto Velho que é o número (69) 3221-4639. Você poderá ligar durante os dias úteis e durante o horário de funcionamento, que é desde 7h às 17h.

Endereço Previdência Social Porto Velho

Existe também o Ministério do Trabalho e Previdência Social em Porto Velho, essa agência de atendimento ao INSS em Porto Velho se encontra no endereço na rua de Joaquim Araújo Lima, em São João Bosco, Porto Velho – RO. O número para contato infelizmente não foi informado, mas se você mora nessas proximidades se informe quando estiver aberto.

Também pode ser encontrado um posto de atendimento ao INSS em Porto Velho no endereço de Avenida de Rio Madeira, número 2707. Saiba que o telefone para contado da agência de atendimento do INSS em Porto Velho é (69) 3229-3882.

Esses números de telefone são para serem utilizados para garantir que você será atendido, afinal se você mora muito longe da agência de atendimento do INSS em Porto Velho esses números de telefone podem avisar sobre o tempo e os dias da semana que o posto de atendimento do INSS em Porto Velho estarão abertos.

CADPREV WEB Download, Manual

O que é CADPREV?

O Sistema de Informações dos Regimes Públicos de Previdência Social (CADPREV) é uma plataforma que auxilia o cidadão na realização de vários serviços. Você pode consultar o CADPREV WEB sempre que desejar ter ciência acerca de alguma informação relativas ao particular ou ao público em geral, através de uma consulta pública.

cadprev-web

Está na hora de você conhecer um pouco mais sobre esse sistema, o qual ajudou bastante na hora de enviar informações à Previdência Social.

Como consultar CADPREV?

A consulta CADPREV pode ser feita basicamente de duas maneiras distintas. A primeira delas é através do site da ferramenta, que fica disponível na internet. Recentemente foi lançada uma segunda maneira de acessar o sistema. Trata-se do CADPREV pelo desktop, através de um programa de computador que dispensa o uso de navegadores de web. Conheça cada um desses métodos.

Várias informações estão disponíveis para acesso consulta online. Para fazer uma consulta pública no CADPREV você não precisa possuir nenhum dado de login, já que as informações estão liberadas para todos que desejarem conhecer os gastos e investimentos públicos em cada Estado da federação. As outras informações ficam restritas apenas para as partes interessadas, através de um login e senha.

Se você deseja fazer uma consulta restrita através do portal, terá que se cadastrar. Para logar na plataforma é preciso inserir o número do CPF e uma senha eletrônica. Só assim você poderá navegar pelos documentos e relatórios privados do CADPREV. Além da consulta no CADPREV pela internet, também é possível utilizar um programa de computador para ter acesso às informações. Saiba como fazer isso!

Para fazer consulta no CADPREV pelo computador, sem a necessidade de acessar um navegador de internet, o processo é bem simples. O primeiro passo é acessar a página do programa normalmente, pelo navegador, e baixar um programa fornecido dentro do próprio site. Depois de baixar o programa, você deverá instalar no seu computador.

Todos os Estados do Brasil e muitos municípios já instituíram regimes públicos de previdência social (RGPS), também conhecidos como Regime Próprio de Previdência Social. Ao fazer uma consulta no CADPREV WEB você poderá ver todos os investimentos realizados pelos entes federados que já possuem esse regime. Ou seja, quanto o governo anda investindo em cada Estado e Município.

Agora que você já sabe como consultar o CADPREV, está na hora de experimentar. Acesse o site e faça uma consulta pública, selecionando a sigla da UF para a qual deseja ver os resultados ou mesmo o nome do município, caso ele esteja na lista.

Outra opção, conforme mencionado, é baixar o programa e instalar no seu computador. Dessa forma você nem precisará abrir o navegador para ter acesso aos dados. Nos dois casos, no entanto, é preciso que você tenha internet.

CADPREV Download

Para que você possa acessar o CADPREV é necessário realizar o download pelo CADPREV web.

É só acessar o link http://www.previdencia.gov.br/regimes-proprios/sistemas-srpps/cadprev/ para obter todas as facilidades do CADPREV.Esse é o CADPREV instalador, que está em fácil acesso na página da Previdência Social.

Caso você tenha alguma dúvida, também poderá facilmente visualizar o manual CADPREV.

Trata-se, em verdade, do Manual de Manutenção de Acesso CADPREV, por meio do qual você saberá todas as informações gerais do CADPREV, como fazer cadastro CADPREV e muitas outras questões relevantes e que têm muita utilidade para o usuário do sistema.

Ademais, o manual CADPREV está disponível em PDF pesquisável, o que auxilia – e muito – na hora de pesquisar e encontrar a informação que você realmente procura.

cadprev-manual-dowload

Como instalar o CADPREV?

O processo de instalação é bem simples e pode ser feito por qualquer pessoa, mesmo as mais inexperientes. Depois de concluir a instalação, é só fazer login com os seus dados pessoais, para ver as informações restritas, ou consultar livremente o conteúdo público. A importância de consultar informações no CADPREV é poder ficar por dentro de assuntos que são importantes também para você.

Como se vê, o CADPREV é um grande benefício tanto para quem precisa enviar informações e alimentar o banco de dados do sistema governista, como para aqueles que desejam saber mais informações a respeito de investimentos públicos.

E o procedimento, por incrível que pareça, é simples. O manual CADPREV também oferece todas as informações necessárias para que você possa acessar o sistema com precisão.

Contato CADPREV

O contato CADPREV é eminentemente online. Não há um telefone CADPREV direto para ligar. Entretanto, como o aplicativo é relativamente novo e dúvidas sempre poderão surgir, caso você se depare com alguma questão, pode enviar um e-mail para cgaai.investimentos@previdencia.gov.br.

Aguarde e certamente terá alguma resposta sobre sua dúvida ou questão pendente.

Se por algum motivo não for atendido, entre em contato com a Previdência Social pelo site www.previdencia.gov.br e sane tudo o que ficar obscuro a respeito do CADPREV.

Receita Federal Agendamento

Agendamento Receita Federal

A Receita Federal, tendo em vista a revolução do acesso à internet, disponibiliza vários serviços através do seu site oficial.

Dessa forma você contribuinte pode realizar tudo de que precisa sem ter que sair de casa. Mas se você preferir, poderá também fazer agendamento na Receita Federal para atendimento presencial, junto a um dos agentes do órgão.

receita-federal-agendamento

Muitas pessoas gostam dessa forma de atendimento, pois é possível tirar dúvidas e conversar diretamente com um atendente.

Isso minimizou muito a fila de espera na Receita Federal. Quem teve a oportunidade de comparecer a algum posto de fiscalização no passado sabe muito bem como os atendimentos ao público eram demorados e bem burocráticos.

As senhas de atendimento eram distribuídas cedo. E como os casos a serem resolvidos na Receita Federal muitas vezes são complexos e, de outro lado, não eram muitos atendentes disponibilizados para esse fim, era bem difícil para quem não tinha muito tempo disponível comparecer à Receita Federal.

Mas graças ao agendamento receita federal grande parte dos serviços pode ser agendada. Ou seja, com prévio dia e horário marcados, você não vai ter que aguardar horas e horas para ser atendido na Receita Federal.

Claro, atrasos podem acontecer, mas é muito mais garantido do que não saber o horário em que isso vai ocorrer, não é mesmo?

Apesar do acesso aos serviços pela internet ser mais prático, o portal não é muito útil para resolver problemas da população. Por isso, é fundamental que você conheça como fazer agendamento na Receita Federal.

Formas de agendamento na Receita Federal

Existem basicamente dois modos de agendar uma visita na Receita Federal. Uma delas é através do telefone, na central de atendimento do órgão.

A segunda opção é acessar o site da Receita Federal pela internet e preencher um formulário. O agendamento na Receita Federal funciona de forma a garantir que você será atendido quando comparecer a uma das unidades do órgão. O horário fica reservado só para você!

Independente do meio escolhido para agendar o seu atendimento, é fundamental que você já saiba com antecedência o que pretende fazer na Receita Federal.

agendamento-receita-federal

Agendamento Receita Federal pela internet

Isso porque o agendamento é específico e você precisa mencionar o motivo do atendimento. O agendamento da Receita Federal pela internet, por exemplo, possui um formulário próprio onde uma das informações solicitados é o problema que você deseja resolver.

Os atendentes da Receita Federal estão instruídos para não fornecer nenhuma informação além daquela que consta na senha de agendamento. Ou seja, é importante que você conheça o serviço desejado antes de agendar.

Agendamento Receita Federal pelo telefone

Outra opção interessante é fazer o agendamento da Receita Federal pelo telefone. O procedimento é bem parecido com o atendimento pela internet, confira agora mesmo.

Basta que você ligue na central de atendimento da Receita, de posse dos seus dados pessoais, como Carteira de Identidade e CPF.

Caso você já tenha agendado uma visita, mas deseja cancelar, também poderá fazer isso através do site ou pelo telefone 146, caso você ligue do Brasil.

Mas se estiver no exterior, pode fazer o agendamento Receita Federal pelo telefone (11) 3003- 0146.

Dessa forma você permite que outras pessoas agendem no horário que até então estava reservado para você. Lembre-se que várias pessoas procuram pelo agendamento de atendimento na Receita Federal.

Como fazer agendamento na Receita Federal?

Se você estava se perguntando como agendar na Receita Federal, agora está tudo esclarecido. Muitas pessoas deixam de fazer o agendamento e acabam perdendo viagem, pois é raro as unidades da Receita Federal possuírem horários vagos. Se você não quer correr o risco de ficar sem atendimento, o melhor é agendar o seu atendimento com antecedência.

receita-federal-telefone-0800

Agora que você já sabe tudo sobre agendar atendimento na Receita Federal, está na hora de resolver todos os seus problemas junto a essa instituição. Ficar em dia com as suas contribuições tributárias e fiscais é fundamental para não ser surpreendido com cobranças e multas no futuro.

Caso você tenha algum assunto urgente e que possa realmente te trazer prejuízos ou atrapalhar a sua vida de forma realmente vultosa, disponibiliza-se o agendamento no plantão fiscal da Receita Federal.

E lembre-se: caso não possa mais comparecer no dia e horário agendado, você deve fazer o cancelamento do atendimento na receita federal.

Além de uma questão de civilidade, pois dará a outras pessoas a chance de serem atendidas no seu lugar, bem como não terá outros problemas ao fazer um novo agendamento de horário perante o órgão.

Compareça a uma das unidades da Receita Federal mais próxima de você e fale diretamente com um dos atendentes. Mas lembre-se, vários serviços também estão disponíveis na internet, de forma ainda mais prática, já que você pode fazer em casa.

Contribuição Sindical 2018 – Valor, Comprovante

O que é contribuição sindical?

Um dos assuntos que mais causa discussão entre trabalhadores e empresas é a contribuição sindical. Trata-se de uma obrigação prevista na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

contribuicao-sindical-comprovante

Qual o valor da contribuição sindical 2018?

O valor da Contribuição Sindical 2018 ainda é fonte de muita disputa, pois alguns afirmam que o pagamento não será mais obrigatório. Entenda como funciona essa questão.

Até o ano de 2017, tanto os empregados quanto os empregadores deveriam pagar aos sindicatos um valor a título de contribuição.

Para os empregados que se perguntavam qual o valor da Contribuição Sindical 2018, a resposta era simples: um dia de serviço. Ou seja, todo ano o trabalhador deveria pagar aos sindicatos uma contribuição no valor proporcional a um dia de seu trabalho por ano.

Por ser uma contribuição obrigatória, o valor vinha descontado na folha de pagamento. Se você é trabalhador, deve saber muito bem sobre esse desconto anual.

O valor da Contribuição Sindical 2018 vem descontado automaticamente na folha de pagamento.

A diferença é que agora ela só será debitada dos trabalhadores e empregadores que escolherem efetuar o pagamento.

Para onde vai o dinheiro da contribuição sindical?

Boa parte do dinheiro arrecadado com a Contribuição Sindical vai para os sindicatos, utilizadas para a manutenção desses órgãos. Mas não se preocupe, os sindicatos possuem também outras fontes de arrecadação.

Carta para não pagar contribuição sindical

Embora, em tese, a contribuição sindical fosse obrigatória, o Tribunal Superior do Trabalho entendeu no TST 119, que esse pagamento não poderia ser devido por trabalhadores que não participassem do sindicado.

Desse modo, era possível (e ainda é, ao menos até a entrada em vigor de eventual nova lei trabalhista), apresentar uma carta de oposição ao pagamento da contribuição sindical.

Ou seja, através do documento o trabalhador poderia vedar a possibilidade de que a contribuição sindical fosse descontada de sua folha salarial.

contribuicao-sindical-valor

Em verdade, a própria CLT proíbe os descontos no salário do trabalhador, salvo se por ordem judicial (como no caso de ele ter contra si uma ação de alimentos, por exemplo, onde o desconto é feito diretamente em folha de pagamento por determinação de um juiz competente) ou por expressa autorização do trabalhador.

Desse modo, se você pagou contribuição sindical a contragosto, esse fato era indevido e não poderia ter ocorrido.

A carta de oposição ao pagamento de contribuição sindical deveria ser renovada todos os anos, sem exceção, caso o trabalhador realmente não quisesse contribuir com o sindicato.

É bom frisar que caso o trabalhador não queira pagar contribuição sindical, depois não poderá tentar usufruir de benefícios e serviços proporcionados pelo sindicato, com assistência advocatícia, planos de saúde, descontos etc.

Para algumas pessoas, o pagamento da contribuição sindical é uma medida cívica e que deve ser feito por todas as pessoas que trabalham, para ajudar na “luta da classe trabalhadora”.

Para outras, por sua vez, a contribuição sindical nada acrescentaria, ao menos em primeiro momento. É, portanto, medida polêmica.

Como fica a contribuição sindical 2018?

O mesmo sempre valeu para as empresas, que também pagavam a Contribuição Sindical. Com a reforma trabalhista, parece que finalmente a Contribuição Sindical 2018 não será obrigatória. O que isso significa para você?

Com a mudança na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), a contribuição sindical passou a ser opcional. Isso significa que você não precisará mais abrir mão de um dia de serviço para os sindicatos.

contribuicao-sindical

Comprovante da contribuição sindical 2018

O comprovante da Contribuição Sindical 2018 ainda poderá ser emitido se você escolher pagar a contribuição. Mas para que isso aconteça, você deverá notificar expressamente o seu empregador pela sua opção.

Se você não se manifestar sobre o recolhimento da contribuição, o valor não será descontado na sua folha de pagamento. O mesmo se aplica ao caso dos empregadores, que agora só pagam a contribuição sindical se escolherem fazer isso. Se você pagar, poderá emitir o comprovante da Contribuição Sindical 2018, para ter controle acerca dos seus gastos e evitar problemas futuros.

A expectativa é de que os trabalhadores parem de pagar a contribuição. Afinal de contas, quem quer perder um dia de trabalho por ano?

As instituições sindicais estão se mobilizando no sentido de exigir a cobrança, ainda que proporcional ao tempo em que a CLT antiga está em vigência. Se você ainda quer pagar, nem precisa consultar o valor da Contribuição Sindical 2018, pois continua sendo um dia de serviço por ano.

Agora que você já sabe tudo sobre o comprovante da Contribuição Sindical 2018 e também o valor a ser pago, poderá escolher se deseja ou não colaborar para as Centrais Sindicais.

Com a reforma trabalhista, essa foi apenas uma das mudanças na legislação brasileira. É fundamental que você se atualize acerca dessa reforma, que cortou vários direitos dos empregados. Fique atento e decida se vai pagar ou não a contribuição.

Plano de Saúde Aposentados

Plano de Saúde para Aposentados do INSS

Uma das grandes dúvidas dos trabalhadores é com relação ao plano de saúde depois que conseguem a aposentadoria. Se você quer saber como fica a situação do plano de saúde dos aposentados, está no lugar certo. Conheça tudo que a lei brasileira fala sobre o assunto e não fique no prejuízo quando se aposentar.

plano-de-saude-para-aposentados

Saiba mais sobre plano de saúde na aposentadoria

O Sistema Único de Saúde é precário e as pessoas que dependem de atendimento médico precisam passar longo tempo nas filas dos hospitais públicos.

Por isso, poder contar com um plano de saúde privado é fundamental. Mas será que o aposentado perde o plano de saúde? Essa é uma questão delicada que sempre causa confusão entre as pessoas e muitas vezes acaba parando na Justiça.

As empresas privadas geralmente oferecem planos de saúde para seus empregados. Ocorre que após a aposentadoria, muitos empregados ficam obrigados a recorrer ao sistema público, já que o plano privado de saúde geralmente é encerrado.

O que talvez você não saiba é que aposentado tem direito ao plano de saúde, nas mesmas condições em que tinha o benefício enquanto estava trabalhando.

Cálculo do prazo para plano de saúde de aposentado

Em relação às considerações acima delineadas, isso significa que se você se aposentou, poderá continuar contando com o plano de saúde privado, por um período mínimo de seis e o máximo de vinte e quatro meses.

O cálculo para saber o número de meses que você terá direito ao plano de saúde é calculado com base no período em que você estava contribuindo para o plano. Agora que você já sabe que aposentado tem plano de saúde, está na hora de ficar por dentro de tudo sobre o assunto.

A empresa é obrigada a manter o plano de saúde para aposentado?

Existe um detalhe importante que você deve levar em consideração. Assim que você se aposentar, terá que arcar com todos os valores do pagamento do plano de saúde, uma vez que a empresa deixa de pagar a parte devida para a empresa responsável.

Isso significa que, apesar de você ter direito a manter o plano de saúde para aposentados, terá que arcar com o dinheiro do seu bolso para custear o serviço.

Aliás, aproveitando o ensejo, a manutenção do plano de saúde por determinado período, após a demissão sem justa causa, por exemplo, é realizada pelas empresas. Tudo vai depender da negociação coletiva da categoria ou dos benefícios concedidos pelo empregador.

Essa é uma imposição da Agência Nacional de Saúde – ANS, que é uma agência reguladora da prestação de serviço de saúde pública e privada e elabora normas, as quais devem ser seguidas, diante de determinação da própria lei.

É a ANS que criou regras para que o empregado demitido não fique desamparado em mais um ponto caso venha a precisar de plano de saúde compatível com o que era custeado, total ou em parte, pela empresa.

plano-de-saude-aposentados-inss

Também, fique atento às condições de pagamento, preço, cobertura, dentre outros vários aspectos que devem ser observados pela empresa em relação ao empregado demitido e ao plano de saúde.

Mesmo sabendo disso tudo, infelizmente muitos planos de saúde, a fim de terem lucros, acabam cometendo condutas no sentido de tentar aumentar muito o preço do plano quando têm ciência de que o empregado perdeu a sua fonte de sustento.

Isso pode ser extremamente prejudicial, em especial às pessoas que estejam doentes ou em tratamento de saúde.  Desse modo, não aceite esse tipo de situação e, se for o caso, entre com as medidas judiciais cabíveis.

Plano de saúde vitalício para aposentado

Outra informação importante, que quase ninguém sabe, é que o trabalhador que se aposenta após dez anos de trabalho na mesma empresa, pode continuar no plano de saúde de forma vitalícia, nas mesmas condições de quando era empregado.

Como dito acima, você terá que pagar o plano de saúde de aposentados, mas no mesmo valor que já pagava enquanto estava trabalhando.

Aposentado tem direito a plano de saúde? Sim!

Agora que você já sabe que aposentados tem direito a plano de saúde, está na hora de correr atrás e garantir que a empresa continue prestando os serviços.

Essa é uma importante garantia ao trabalhador, tendo em vista a precariedade do atendimento público de saúde.

Não deixe que a empresa corte o seu plano de saúde quando você se aposentar. Exija que o atendimento seja prestado nas mesmas condições que você tinha anteriormente, independentemente da justificativa do empregador.

Para ter o plano de saúde de aposentados do INSS você só precisa exigir da empresa responsável que cumpra a legislação, pois essa é uma garantia prevista em lei. Vários trabalhadores aposentados já ganharam na justiça quando empresas se recusaram a manter o plano.

Aposentadoria de Policial e Militares

Aposentadoria especial de Policiais

A aposentadoria de policial e militares também está inserida dentro dos benefícios previdenciários. Entretanto, o benefício de aposentadoria de policial e militares não é pago pelo INSS.

aposentadoria-de-policial-e-militares

Policiais, sejam eles civis ou militares, e até mesmo aqueles pertencentes às forças armadas são equiparados a servidores públicos.

Embora as regras gerais para aposentadoria sejam de competência da União Federal, incumbe aos Estados delimitarem os pormenores, por meio de lei ou outros atos normativos a respeito da aposentadoria de policial e militares.

O que é aposentadoria especial?

A aposentadoria especial é um beneficio concedido aos trabalhadores que exercem profissões de risco, como é o caso dos policiais e militares.

Atualmente, a Súmula Vinculante nº 33 do Supremo Tribunal Federal trata da matéria, possibilitando a aposentadoria especial.

Aposentadoria dos servidores públicos

A regra geral para a aposentadoria é ter 60 anos para mulheres e 65 para homens, com ao menos 15 anos contribuídos.

Também há a aposentadoria por tempo de serviço, com 30 anos de contribuições para mulheres ou 35 para homens.

Para os servidores públicos, porém, a aposentadoria especial permite que homens se aposentem com 60 anos e 35 contribuídos e mulheres com 55 anos e 30 de contribuição.

Em determinadas hipóteses, a aposentadoria pode se dar com 25 anos de contribuição, apenas.

aposentadoria-especial-policial-militares

Aposentadoria Militares

A aposentadoria dos militares é, sem dúvidas, uma das mais atrativas. Eles podem se aposentar com 30 anos de serviço, independentemente do gênero.

Uma preocupação constante dessa classe de profissionais é a reforma da previdência, que certamente vai impactar para a aposentadoria dos servidores públicos também. Na nova regra, se entrar em vigor, os militares só conseguirão se aposentar com 65 anos de idade e ao menos 25 de contribuição.

Mas atenção, pois para o corpo das forças armadas essas regras não se aplicam.

Aposentadoria Policiais Militares

Para policiais militares, as regras farão com que se aposentem com o mesmo tempo de idade e de contribuição já mencionado.

Acontece que as atividades de policiais geralmente demandam esforço físico. Logo, a preocupação da carreira é onde inserir os policiais com mais idade.

Essas regras deverão ser delineadas pelos entes da federação, por meio de lei.

Como a reforma da previdência ainda não entrou em vigor, assim que soubermos efetivamente o que vai acontecer, certamente atualizaremos o artigo para você.

A princípio, como a aposentadoria especial tem embasamento constitucional, a não ser que um projeto de emenda constitucional seja apresentado pelo Congresso Nacional, ela deve continuar existindo.

Por enquanto, permanecem as normas atuais, ao menos até que novas leis entrem em vigor, o que será noticiado pela mídia em geral, como rádio, televisão, internet, jornais e outros meios de comunicação.

Fique atento para as novas regras da aposentadoria e não deixe de procurar os seus direitos caso se sinta lesado. Se precisar, procure o auxílio de um profissional especialista em Direito Previdenciário para tirar todas as suas dúvidas e te deixar a par do que pode acontecer no seu caso.

Biometria Agendamento

Cadastramento Biométrico

O Tribunal Superior Eleitoral – TSE agregou um projeto chamado Identificação Biométrica. A intenção desse projeto foi de incluir em todo território brasileiro a identificação e fiscalização biométrica durante as eleições.

biometria-agendamento

Ainda que alguém mude a sua aparência, peso e até de gênero, a impressão digital é a única que fica. Claro, há casos em que determinadas substâncias são capazes de destruir as impressões digitais, mas são hipóteses bem isoladas.

Assim, considerando que já houve muitos casos de fraude nas eleições, como de pessoas que votavam em nome de outras, uma das saídas para ter convicção a respeito do resultado das eleições e dos votos foi a implantação da biometria.

Biometria é, basicamente, verificar a impressão digital de uma pessoa, através de um aparelho que a capta. A biometria começou a ser implantada no Brasil no ano de 2008.

Mais de 30% do eleitorado já tinha cadastro biométrico nas eleições de 2016 em pouco mais de 1500 municípios.

Como funcionava as eleições antes?

Para quem não sabe, antigamente as eleições eram realizadas com o preenchimento de papeis, os quais eram depositados em urnas.

O resultado das eleições demorava algum tempo para sair, ou seja, dias, pois todos os votos tinham que ser contados.

Hoje em dia a apuração do resultado das eleições é bem rápida e isso graças às urnas eletrônicas.

Outro problema que vinha antes da biometria era a fraude. Em muitos locais, especialmente em regiões mais afastadas, acreditava-se que havia a manipulação de votos. Assim, o resultado das eleições, que deveria ser de acordo com a vontade da maioria, não ocorria exatamente dessa forma.

Biometria Aagendamento

Para fazer o agendamento da biometria é bem simples. Basta você acessar o site do Tribunal Regional Eleitoral da sua região e clicar em “solicitar agendamento”. Na verdade, esse procedimento vai depender do Tribunal local.

Depois, na data e no horário agendados, é só comparecer levando documento oficial com foto, certidão de nascimento e comprovante de endereço atualizado. Lá você fará a sua biometria.

Nas próximas eleições, é só levar documento com foto e o título de eleitor. Na verdade, o título é dispensável, mas é melhor para que você saiba exatamente qual é a sua zona eleitoral e a seção em que você vota.

Encontrar esses locais no dia das eleições pode ser bem confuso.

Os dados da Justiça Eleitoral geralmente são os mais completos do Poder Público. E, a título de curiosidade, esses dados ficam armazenados em um banco de dados que é compartilhado em todos os órgãos do governo.

cadastramento-biometrico

Dessa forma, caso haja necessidade de contatar alguém, os órgãos públicos compartilham as informações da biometria e conseguem encontrar essa pessoa determinada muito mais facilmente.

Isso ocorre, por exemplo, no caso da necessidade de citação judicial, cumprimento de outros tipos de mandado, quando a pessoa é requisitada para testemunhar e muito mais.

A biometria é obrigatória?

Para quem vota, sim, a biometria é obrigatória. Como é sabido, o voto é facultativo para pessoas com 16 e 17 anos de idade, maiores de 70 anos e analfabetos. De outro lado, pessoas com 18 a 69 anos são obrigadas a votar e também devem comparecer caso sejam requisitadas para trabalhar nas eleições como mesários, por exemplo.

Caso essas pessoas não compareçam para votar e não justifiquem a ausência do voto, poderão pagar uma multa, que pode variar de algo como perto de R$ 30 até muito mais. O mesmo acontece com mesários que forem chamados, mas não vão laborar nas eleições.

O juiz eleitoral vai ver todas as informações que a pessoa inseriu durante o cadastro da biometria. Claro, como se trata de uma penalidade de multa, a pessoa será notificada para se defender e apresentar as suas razões de ausência perante o juízo eleitoral.

recadastramento-biometrico

Caso a multa não seja paga ou a situação não seja regularizada é possível que você venha a ter grandes problemas. Se quiser fazer algum concurso público, por exemplo, poderá ser desclassificado.

Assim, enquanto o voto é obrigatório no Brasil, é bom ficar atento ao dia da eleição e, caso não possa comparecer, vá em qualquer seção eleitoral e teça a justificativa para o voto. É uma forma de exercer a cidadania e de informar os motivos pelos quais não pode votar.

Tirou todas as suas dúvidas sobre eleições e agendamento da biometria? Não deixe de exercer a sua cidadania! O voto é muito importante para escolher aquele que, na sua mente e convicção, é o melhor representante para a população. Considerando os últimos problemas políticos do Brasil, o ideal mesmo é levar o voto com a maior seriedade que você possa dar a ele, pois a atitude do representante pode certamente impactar (e muito) na sua vida e na vida de milhares de brasileiros.